O fracasso das aplicações para celulares

Web 2.0 

Não tem como negar. Hoje em dia não existe nem um software para celular que seja um sucesso em todo o mundo. Hoje não existe modelo de negócios para desenvolvimento de aplicações para celular. Tudo não passa de um bom marketing de grandes empresas que prometem um mundo cada vez mais móvel e que na verdade, é uma grande mentira.

Vamos ao teste. Qual o software para celular mais baixado do mundo? Tem alguma idéia? Em primeiro lugar está o navegador Opera Mini e em segundo lugar o Google Aps (Gmail, Google Maps, Google Docs, YouTube, etc). Pronto. Nem existe terceiro lugar porque não existem mais aplicações para celulares que realmente fazem sucesso.

Tudo começou mais ou menos em 1998, a Palm dominava o mercado com aplicações inovadoras, mas tudo não passou da bolha do mercado de tecnologia. A Palm praticamente sumiu. Em 2007 e 2008 tivemos grande avanços nesse sentido. Primeiro foi a Apple que lançou o “bonitão” Iphone e mudou o conceito de que é um celular e suas possíveis funcionalidades. E nessa última semana, a Apple lançou uma API para quem quiser desenvolver softwares para o Iphone. Segundo a própria Apple, já foram feitos mais de 100.000 downloads de pessoas interessadas. Em segundo lugar temos o Google que em 2007  lançou um sistema operacional para celulares, o Android que também já está fazendo sucesso (750.000 donwloads) e até oferece um prêmio de 10 milhões de dólares para quem desenvolver a aplicação mais interessante para celular.

Ao mesmo tempo que existe tudo isso a disposição dos programadores, eu não consigo ver o porque que não temos nenhuma aplicação decente para celular. Por exemplo, o Brasil tem mais de 120 milhões de celulares para uma população de 180 milhões de pessoas. São 65 celulares para cada 100 habitantes. O que esse povão todo usa? Somente voz? Usam o telefone somente para falar?

O usuário de celular é um bicho estranho. Ele é capaz de pagar R$0,80 centavos por minuto em uma ligação pré-pago mas não tem coragem de comprar um plano para usar dados com medo de pagar centenas de reais para a operadora. Onde está o problema?  Vamos aos dois lados da moeda:

O lado do usuário:
1 – As aplicações para celular estão cada vez mais leves e utilizam cada ves menos informações para não “pesar” no bolso do usuário.
2 – Hoje temos celulares que são praticamente computadores de mão. Temos como exemplo, o Nokia N95 8GB, o Iphone, HTCs, Palms, entre outros. Estes celulares possuem grande poder de processamento, possuem memória, telas de alta definição, Wi-Fi, GPS, etc.

O lado do programador:
1 – Colocar no mercado uma aplicação para celular é uma tarefa complicadíssima. Primeiro, existem N tipos de sistemas operacionais, N tipos de celulares, N tipos e tamanhos de telas. Tudo isso dificulta e muito o desenvolvimento
2 – As operadoras querem tudo. Não querem dividir lucros, não ajudam em nada. Só querem tráfego de dados ($$$) e mais nada.

Tem um artigo bastante interessante de um ex-empregado da Palm e da Apple, no Blog Mobile Opportunity. O que ele fala é que as aplicações para celulares nunca existiram, nunca tiveram modelo de negócios e nunca vão existir. Os programadores estão passando cada vez mais ao que chamamos de programação web para celulares. Ou seja, desenvolver uma página web que seja acessível e customizada para ser visualizada no celular. O interessante disso é que não tem muito segredo. O programador não tem que aprender novas tecnologias, o investimento para desenvolvimento é muito menor e não tem que desenvolver um produto específico para cada celular.

Acho que esses  são os motivo pelo qual existem tão poucas aplicações para celular. Alto custo de desenvolvimento, real necessidade dos usuários e portabilidade para todos os tipos e modelos de celulares e sistemas operacionais.

Como não podemos prever o futuro, eu ainda espero um software ou uma “killer application” para celulares. Ainda está por vir. O mercado a ser explorado é muito grande e as oportunidades existem, mas a olho nú o mercado móvel ainda é um grande buraco negro.

2 Respostas

  1. Bastante interesante o seu artigo. Concordo em grande parte ao que você diz. Para mim o grande problema é o usuário que quer usar tudo de graça. Hoje na Internet, tudo praticamente está a custo zero e em uma plataforma de celulares, não funciona assim.

  2. Interessante o seu Blog. Parabéns!
    Fica o convite para ver o futuro dos celulares com recurso às nanotecnologias em http://lookatthefuture.blogspot.com/

    Atendendo a que os nossos blogs têm assuntos em comum, que tal trocarmos links?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: